últimas notícias

Esportes

1 11/06/2019 08:30

Bola pra frente. Depois de perder do Sport e virar lanterna da Série B, o Vitória já volta a campo nesta terça-feira (11), contra o Oeste, novamente fora de casa. O jogo começa às 20h30, na Arena Barueri, em Barueri (SP), e será o último antes da pausa que a competição dará em função da Copa América.

É a chance para o Leão passar a intertemporada forçada em viés de alta. Só um triunfo hoje pode tirar o Vitória da última colocação e talvez até da zona de rebaixamento. O time soma quatro pontos.

A segunda hipótese, no entanto, é improvável porque o Vila Nova, 16º colocado com sete pontos, tem sete gols de saldo a mais que o Leão.

Uma tarefa de cada vez então. Conquistar os três pontos terá enorme valor para o Vitória, que ainda não venceu como visitante. E também para o técnico Osmar Loss, que só conseguiu um ponto nas três partidas no clube. Nas quatro rodadas iniciais, a equipe foi treinada por Cláudio Tencati.

Em campo, há uma coincidência para o Leão se livrar: perdeu os quatro jogos contra paulistas nesta Série B, para Botafogo-SP, Guarani, São Bento e Bragantino. Oeste e Ponte Preta são os outros clubes de São Paulo na disputa.

O elenco rubro-negro seguiu direto do Recife para a capital paulista, onde está  desde domingo. Ontem o elenco terminou a preparação no CT do Palmeiras. 

De acordo com a assessoria de comunicação do Vitória, os jogadores fizeram exercícios na academia e depois o técnico Osmar Loss comandou o time em um treino tático e ensaiou jogadas de bola parada. Outros jogadores treinaram em campo reduzido com o auxiliar Marcelo Rospide.

Sem problema de lesão nem suspensão, Loss tem a oportunidade de repetir o time, caso queira. Se isso acontecer, a escalação terá Ronaldo, Van, Everton Sena, Zé Ivaldo e Capa; Gabriel Bispo, Marciel e Ruy; Ruan Levine, Anselmo Ramon e Wesley. A atuação deste último, contratado do sub-20 do Palmeiras, foi um ponto alto na derrota de 3x1 para o Sport.

Por outro lado, Loss tem o desafio de ajeitar o sistema defensivo. Essa foi a preocupação do treinador em seu primeiro dia de trabalho no Vitória, em 22 de maio. 

No entanto, o time ainda não terminou um jogo sem tomar gol no campeonato. Nos três sob comando dele, 1x1 com o Atlético-GO, 2x0 do Bragantino e 3x1 do Sport. Nas sete rodadas, levou 16, média de 2,28 por partida.

Correio







Av. Rio Branco, nº 741- Centro - Canavieiras/BA. CEP - 45.860-000
Tel.: (73) 3284-3905 | 9 9900-9930 (Whatsapp) - A Comunicação na Era Digital
© 2010 - Rádio Costa Sul FM - Todos os direitos reservados.