Esportes

1 15/08/2019 08:50

Grêmio e Athletico-PR iniciaram na noite desta quarta-feira (14) a disputa por uma vaga na final da Copa do Brasil de 2019. Enquanto o tricolor busca o sexto título na competição, os rubro-negros vão atrás da primeira taça do torneio nacional. 

Em Porto Alegre, a equipe do técnico Renato Gaúcho mediu forças com o time de Tiago Nunes e se deu bem ao vencer por 2x0. Com o resultado, o tricolor pode até perder por um gol de diferença no segundo encontro. O jogo de volta está marcado para acontecer só no dia 4 de setembro, na Arena da Baixada, em Curitiba. 

Os gaúchos entraram em campo apostando no bom futebol de Everton Cebolinha. No ataque, André foi mantido e Diego Tardelli começou no banco de reservas. 

E a aposta deu resultado logo aos 23 minutos da etapa inicial. Everton recebeu pelo lado esquerdo e, na entrada da área, mandou com perfeição na cabeça de André. O camisa 90 não perdoou e balançou a rede adversária. 

A equipe paranaense, por sua vez, apostava as fichas no centroavante Marco Ruben, um dos destaques da temporada pelo Furacão.

E foi dele a única chance do rubro-negro nos primeiros 45 minutos. Depois de receber passe de Marcelo Cirino, Marco Ruben invadiu a área e chutou cruzado, rasteiro, só que a bola passou ao lado do gol de Paulo Victor. 

Segundo tempo

Na volta do intervalo, o Athletico melhorou e conseguiu incomodar um pouco mais. Nikão entrou na vaga de Marco Ruben, enquanto Tardelli substituiu André. 

Só que quem brilhou mesmo foi o gremista Jean Pyerre em falta sofrida por Everton. Na cobrança, o meia bateu com maestria para ampliar o marcador, sem chance para o goleiro Santos. 

O Grêmio ainda criou outras oportunidades e o Athletico também tentou diminuiu o placar, mas a partida terminou mesmo em 2x0. Agora, o Furacão terá tarefa complicada no duelo de volta. 

Correio







Av. Rio Branco, nº 741- Centro - Canavieiras/BA. CEP - 45.860-000
Tel.: (73) 3284-3905 | 9 9900-9930 (Whatsapp) - A Comunicação na Era Digital
© 2010 - Rádio Costa Sul FM - Todos os direitos reservados.