últimas notícias

Notícias

1 18/02/2017 18:30

Vista com desconfiança por uma porcentagem significativa dos homens, a vasectomia é uma cirurgia simples que funciona como método contraceptivo sem nenhum efeito colateral. É o que garante o urologista/andrologista e diretor da Clínica do Homem, Francisco Costa Neto.

Segundo ele, “a cirurgia impede a presença de espermatozoides no sêmen, impedindo a fertilização da mulher no ato sexual e não inibe a ereção”. Apesar da maioria dos homens terem receio de perderem a virilidade após o procedimento, a vasectomia é uma cirurgia segura, que não altera o desempenho sexual. “Já fiz cerca de 5 mil procedimentos e nunca houve um caso de reversão espontânea e nenhuma queixa “, garante o especialista.

Apenas homens com mais de 25 anos ou com mais de 18 que já tenham dois filhos vivos podem fazer a esterilização, conforme prevê a legislação, no entanto, nos casos em que a gestação da parceira pode trazer riscos à vida da mulher, a cirurgia também é permitida. “A cirurgia pode ser feita com ou sem bisturi. No primeiro caso, é feito um pequeno corte de aproximadamente 1-2 cm na bolsa escrotal. É feita então a ligadura, corte dos canais deferentes e amarração das pontas. A pele é fechada com um ou dois pontos de fio absorvível”, explicou o médico.

Ele enfatizou ainda que, trata-se de um procedimento reversível e que apenas 5% dos pacientes mudam de idéia com o tempo, e optam por reverter à vasectomia. “O motivo é na maioria das vezes é o fim de um casamento e início de outro relacionamento. Nem sempre a cirurgia de reversão consegue reverter a infertilidade. Por isso, apesar da vasectomia ser reversível, nossa orientação é para que os pacientes só façam a cirurgia se estiverem bem certos de sua decisão”, explica Francisco Costa Neto.

Outra dica do especialista é congelar o esperma no Banco de Sêmen. “É um procedimento seguro, que evita os transtorno de uma nova intervenção cirúrgica”, observou. O médico disse ainda que a cirurgia reversível é mais delicada e mai cara que a vasectomia. “A cirurgia de vasectomia é simples, realizada em 30 minutos e custa cerca de R$1 mil, já a reversível, o procedimento dura cerca de cinco horas e não custa menos de R$15 mil”, revelou.

Ele também disse que o pós-operatório é tranqüilo. “Nos primeiros dias após a cirurgia, é comum apresentar um desconforto ou dor leve nos testículos, mas isso é facilmente controlável com analgésicos, suspensório escrotal e gelo local”, observou.

Francisco Costa Neto enfatizou ainda que, segundo declarações de seus pacientes o desempenho sexual melhora depois de fazer a esterilização. “Os pacientes contam que o desempenho na cama melhora, pois eles passam a fazer sexo sem se preocupar com uma possível gravidez. Estudos médicos realizados também indicam esse comportamento”, disse.

Tribuna da Bahia







Av. Rio Branco, nº 741- Centro - Canavieiras/BA. CEP - 45.860-000
Tel.: (73) 3284-3905 | 9 9900-9930 (Whatsapp) - A Comunicação na Era Digital
© 2010 - Rádio Costa Sul FM - Todos os direitos reservados.