Notícias

1 15/01/2021 16:17

O governo do Amazonas pediu a outros Estados que recebam 61 bebês recém-nascidos devido ao desabastecimento de oxigênio no Estado após o colapso na Saúde causado pela alta de casos de covid-19.

O pedido, relatado pelo presidente do Conselho Nacional de Secretários de Saúde, Carlos Lula, foi confirmado pela Reuters.

A Secretaria de Saúde do Amazonas confirmou o pedido, mas não entrou em detalhes sobre o número de crianças que serão de fato transferidas e disse que o pedido faz parte da solicitação feita na quinta-feira (14/1) para que demais locais recebam pacientes do Estado.

"A secretaria informa que os recém-nascidos serão transferidos a partir da autorização dos pais e serão acompanhados pelas mães", disse a secretaria amazonense em nota.

Colapso na Saúde em Manaus

A capital amazonense vive esta semana um colapso no sistema de saúde após os casos de covid-19 dispararem no Estado, o que fez a demanda por cilindros de oxigênio subir em igual proporção, deixando pacientes sem atendimento adequado. Segundo os médicos, o colapso provocou a morte de diversos pacientes na noite da quinta-feira.

Diante do colapso, os governos estadual e federal trabalham agora em uma força-tarefa para encaminhar mais cilindros ao Amazonas e pacientes a outros Estados para desafogar a fila de espera por atendimento para covid-19. R7







Av. Rio Branco, nº 741- Centro - Canavieiras/BA. CEP - 45.860-000
Tel.: (73) 3284-3905 | 9 9900-9930 (Whatsapp) - A Comunicação na Era Digital
© 2010 - Rádio Costa Sul FM - Todos os direitos reservados.